Arquiteto Versátil: Como criar um Pitch Perfeito?

8 de dezembro de 2016

Como criar um Pitch Perfeito?


Você já ouviu falar em pitch perfeito? Ele é muito utilizado pelos empreendedores como uma forma de apresentar aos investidores suas ideias em um curto intervalo de tempo. 

Essa exposição tem que ser objetiva e atraente para que os investidores sinta-se atraídos por suas ideias e venha a investir em sua empresa. 

Para que você tenha maiores chances de acerto terá que expor o seguinte: 

Mercado


Você deve expor de forma detalhada sobre o mercado que seu negócio estará inserido. 

Para lhe ajudar nessa exposição, seria bom citar algum negócio semelhante ao pretendido por você. Assim ficará mais fácil para que o investidor possa entender sobre o mercado e sobre sua ideia. 

Se você não encontrou nenhuma empresa semelhante busque fornece ao investidor o máximo de informações possíveis para que ele possa entender sobre o mercado que irá atuar. Essa falta de referência pode ser visto tanto como algo positivo como negativo, por isso, pesquise ao máximo para não deixar pontas soltas na hora de expor suas ideias. 

Nesta mesma etapa seria bom expor um pouco sobre sua experiência relacionado ao negócio pretendido. Na verdade, muitos investidores não estarão somente avaliação sua ideia, mas você também, por isso, quanto mais você for capaz de pôr as ideias em ação mais valioso para o investidor você será e também sua ideia. 

Oportunidade


Depois de expor sobre o mercado que sua ideia estará inserida deverá expor sobre a oportunidade (problema) que você identificou e que buscará uma solução através de sua empresa. 

Para lhe ajudar nesta exposição recomendo que mostre alguns dados estatísticos fornecidos, por exemplo, pelo IBGE ou outra fonte válida que o ajude e fundamente sua exposição sobre o problema existente. 

Solução


Agora é a hora de mostrar as soluções encontradas por você para o problema tratado anteriormente e que será implementada por sua empresa. 

Para lhe ajudar na exposição de suas soluções utilize o máximo de recursos possíveis, que você domina, e que poderá proporcionar ao investidor um melhor entendimento sobre as soluções pretendidas por você e sua empresa. 

Uma boa maneira para que você possa expor suas soluções seria mostrar uma simulação (protótipo) do que seria o produto ou serviço pretendido por sua empresa. 

Diferenciais


Agora é a hora de expor tanto seus diferenciais como os diferenciais de sua empresa de forma que essa apresentação atraia ainda mais os investidores. 

Para isso deverá revelar aos investidores ainda mais detalhes sobre sua ideia. Um bom exemplo seria expor sobre as tecnologias que irá fazer uso para pôr em funcionamento sua empresa, como será o atendimento ao cliente entre outros diferenciais. 

Para que você acerte nos diferenciais que sua empresa precisa possuir recomendo que observe o que falta em seus concorrentes, por exemplo. Ao descobrir o que falta, avalie e ponha em prática... Você verá que isso fará toda a diferença para que sua empresa dê certo e se destacar no mercado atual. 

Finalidade


Tudo tem começo e fim, portanto nesta etapa final você terá que ser cirurgicamente perfeito para relevar ao investidor o que você atualmente está precisando para pôr sua ideia em prática, se for o caso, e terá que expor também o que o investidor ganhará se investir em sua ideia. 

Seria interessante revelar ao investidor como você irá retomar o investimento feito por ele, para isso, seja ainda mais detalhista nesta etapa, o investidor busca além de boas ideias ótimas maneiras de fazer seu dinheiro multiplicar. 

Espero que com essas dicas possa criar seu pitch perfeito e com ele possa atrair grandes investidores para seu negócio. 

Esse artigo foi útil para você? Deixe nos comentários o que você achou dele? Siga o Arquiteto Versátil nas redes sociais e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário