Arquiteto Versátil: Casa Biblioteca com Capacidade para 30000 Livros

13 de fevereiro de 2017

Casa Biblioteca com Capacidade para 30000 Livros


Qualquer um apaixonado por livros almeja ter em sua casa um espaço para guardar seus livros. Imagine ter em casa uma biblioteca com a capacidade para armazenar 30000 livros? Essa quantidade de livros você só poderia encontrar em uma pequena biblioteca pública. É de ficar arrepiado.

O projeto da casa biblioteca foi desenvolvido em 2016 por Takuro Yamamoto Architects e abarca uma área de 207,43 m² e está localizado em Tóquio no Japão.


Imagino que você esteja pensando: tantos projetos no Brasil e você foi escolher um projeto logo no Japão? Até compreendo seu questionamento, mas mesmo assim selecionei este projeto porque gostei dele e porque podemos aprender muito com esse projeto mesmo situado em uma realidade distinta da nossa.


Ao iniciar o processo conceptivo desse projeto os arquitetos se depararam com alguns desafios que tinha que ser transpostos. O principal desafio seria desenvolver o projeto de duas residências no mesmo terreno, mas havia no desafio principal um desafio embutido com relação ao processo conceptivo que seria conceber o projeto havendo harmonia e privacidade entre os espaços. Foi então que o espaço da biblioteca almejado pelos clientes foi escolhido como elo para harmonizar os espaços e criar a privacidade necessária entre as residências.


Para entendermos o processo conceptivo desse projeto podemos dizer que os arquitetos partiram de dois grandes retângulos. O primeiro relacionado ao espaço total que era possível projetar e o segundo retângulo, correspondente à biblioteca, foi disposto internamente em relação ao retângulo anterior. No entanto como era necessário que o espaço da biblioteca tivesse boa iluminação e ventilação além de ter uma bela vista do lado externo da casa, os arquitetos decidiram rotacionar o retângulo em 45 graus com relação ao eixo principal, criando assim movimento e dando destaque o espaço da biblioteca.

A rotação aplicada ao espaço da biblioteca induziu aos arquitetos a conceber os espaços das residências a partir da forma triangular. Essa forma triangular mesmo sendo semelhante entre as residências sua organização espacial e funcional são diferentes. 


Observando o projeto externamente ele não possui uma linha projetual atrativa, ao meu ver, devido a simplicidade quanto a forma do edifício, no entanto sua organização e distribuição interna torna esse projeto muito mais atraente aos meus olhos e acredito que também aos olhos dos usuários desse espaço idealizado.

Caso você ainda queira saber mais sobre esse projeto e ver mais fotos basta clicar aqui

Agora eu quero saber qual a sua opinião com relação a esse projeto?

Até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário